sábado, 24 de junho de 2017

Confiança perde mais uma na Série C

Na tarde deste sábado, 24, o Confiança recebeu o Botafogo-PB, na Arena Batistão, em Aracaju (SE), pela sétima rodada do grupo A do Campeonato Brasileiro da Série C.

Mesmo jogando diante do seu torcedor, o Dragão não conseguiu impor seu ritmo de jogo e foi derrotado por 1 x 0. O gol da partida foi marcado por Rafael Oliveira.

Este foi o quinto jogo sem vitória do time azulino que deixou o campo sob vaias e está na sexta colocação. Por outro lado, o time paraibano que não sabe o que é um revés há cinco partidas, assume momentaneamente a liderança da chave.

Fonte: Xodó News 

sexta-feira, 23 de junho de 2017

Real Moitense vence Educar e conquista o pentacampeonato sergipano

Real conquista penta estadual (Foto: Facebook)
Com gols de Foca e Edinei, o Real Moitense venceu o Educar/Glória por 2 a 0, na noite de quinta-feira, 22, e conquistou o pentacampeonato estadual. O duelo foi a partida de volta entre as equipes pelo Campeonato Sergipano e aconteceu no Ginásio de Esportes Padre Leon Gregório, em Nossa Senhora da Glória. No confronto de ida, em Moita Bonita, o Real perdeu para o time gloriense, de virada, por 4 a 3.

Esta pode ser a última apresentação do Real Moitense, que é duas vezes campeão do Nordeste, campeão brasileiro da primeira divisão, vice-campeão da Super Liga, cinco títulos da Copa TV Sergipe de Futsal e, agora, campeão sergipano pela 12ª vez. Na segunda-feira, 19, por 5 votos contra 4, os vereadores não aprovaram o Projeto de Lei número 150 e o time perdeu a verba de subvenção que mantinha o time. 

O técnico do Real Moitense, Willson “Galego” Mendonça, ainda não sabe se a equipe vai disputar o jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil contra o Pague Menos-CE, marcada para sábado, 1º de julho, em Horizonte-CE. No domingo, 18, pelo jogo de ida, o Real Moitense perdeu de goleada por 3 a 0, no Ginásio de Esportes Albano Franco. Na ocasião, Dão, Wanderson e Leozin marcaram os gols do jogo. 

Fixo Assis (Foto: Facebook)
O fixo Assis, do Real Moitense, relatou que o momento é muito especial.  “Muitos não acreditavam, sempre falando time de velhos, time que acabou. Mas nós aqui sempre acreditamos um no outro. Assumimos o compromisso não só com o time, mas com a cidade e torcedores, junto com nossa comissão técnica e jogadores. Agora é desfrutar novamente o gostinho de campeão sergipano 2017. Parabéns ao Educar Glória, parabéns ao professor David Mendonça pelo belo trabalho que fez. Mais, com tudo isso, esse é o nosso momento. Parabéns aos nossos guerreiros, porque missão dada é missão cumprida”.

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Ramalho cita pendências e admite sondagens




No próximo domingo,25, às 18h, o elenco profissional do Club Sportivo Sergipe encerra a temporada 2017. Sem chances de classificação à próxima fase do Brasileirão da Série D, o time apenas irá cumprir tabela diante do Jacobina (BA), na Arena Batistão em Aracaju.  

 Com mais um semestre pela frente, muitos jogadores buscam uma solução para não ficar parado por muito tempo. O zagueiro Carlos Alexandre, por exemplo, fechou com o Sampaio Corrêa.


Outro que pode acertar transferência, é o e capitão do time, Ramalho, que embora não confirme a saída, admitiu ter recebido sondagens. 

terça-feira, 20 de junho de 2017

Por 5 a 4 na Câmara de Vereadores, Real Moitense perde subvenção da prefeitura

Real Moitense perde subvenção (Foto: Divulgação)
Na segunda-feira, 19, ocorreu na Câmara de Vereadores de Moita Bonita a votação do Projeto de Lei nº 150, relativa à votação da subvenção de R$ 198 mil destinada ao Real Moitense, time de futsal do município. Por 5 votos a 4, o time perdeu a subvenção.

Atualmente, o Real Moitense disputa duas competições importantes: a final do Campeonato Sergipano de Futsal, que ocorrerá nesta quinta-feira, 22, contra o Colégio Educar de Nossa Senhora da Glória, e as quartas de final da Copa do Brasil de Futsal.

Na votação, os vereadores da oposição, Gilvan, Bolo, Lenicleide e Clóvis votaram contra a subvenção para repasse ao time; já os vereadores da situação, Leda Costa, Elias, Paulinho e Tales votaram a favor. O presidente da Casa, Jair Nunes, da situação, votou para desempatar. Por 5 votos a 4, o time perdeu a subvenção. Sem recursos a partir de agora, o time do Real Moitense está prestes a acabar. 

Gilvan Fonseca, vereador que votou contra, acredita que o time é de extrema importância para o município, mas acha que, atualmente, outras áreas devem ser priorizadas, a exemplo da educação e saúde. “Eu sempre votei a favor de repasses ao time, mas acho que agora o prefeito Marcos Costa deve priorizar pagar e dar aumento aos servidores, pois o município não está passando por uma situação fácil”.

Já para o vereador Elias Barreto, que votou a favor do repasse da subvenção ao time, sem recursos, o Real Moitense pode acabar, e isso será uma grande perda para o município. “O Real Moitense é um time conhecido nacionalmente, que leva o nome de Moita por onde vai, é o time que move o futsal sergipano e também torna o município de Moita atrativo”. Segundo o vereador, a retirada da subvenção afetará não só o Real, mas todo o futsal sergipano. 


Real Moitense prestes a acabar (Crédito: Esporte-SE)

Com informações do Portal Itnet

Time sergipano sênior fatura Copa do Brasil de Futmesa

No final de semana foi realizada simultaneamente, em Salvador, a quinta edição da Copa do Brasil e a nona edição do Campeonato Brasileiro de Clubes de Futebol de Mesa ou, como é conhecido, FutMesa. Botonistas de todo o país participaram em três categorias: especial - com atletas até 50 anos; sênior - jogadores até os 60; e master - acima de 60.

As disputas aconteceram no Hotel Real Classic Bahia. Na categoria “sênior” a final foi sergipana: Alexis Lisa x Zezeca Simões. Alexis venceu, e com um detalhe: ele não sofreu gol durante toda a competição e marcou nove, além de vencer uma partida por WO. Outro sergipano, Anselmo Conceição, ficou na quarta colocação.

“Foi uma difícil conquista, pelo alto nível dos botonistas e o formato da competição, estilo mata-mata. Consegui passar por todos os obstáculos sem sofrer gol”, comentou o campeão da categoria sênior, Alexis Lisa.

Na “especial”, não veio o título inédito como era o desejo da delegação sergipana, mas houve uma melhora na colocação: Flávio Lisa ficou em terceiro e Luciano Costa em nono.

“Feliz por ter chegado ao pódio mais uma vez. Havia chegado em quinto, em 2013. Ano passado fiquei em quarto. Agora, terceiro. Quem sabe no próximo ano, jogando em casa, consiga o tão sonhado título. Vamos buscar”, afirmou Flávio Lisa.

Vale ressaltar que no próximo ano a competição será realizada em Aracaju: de 31 de maio a 3 de junho. No Brasileiro de Clubes, o melhor colocado de Sergipe foi do União Futmesa, que caiu nas quartas, terminando em oitavo lugar.

Com informações do Globoesporte SE